A busca essencial

j

by Luiz Davi

}

26 dez, 2020

Abramos o nosso coração à Palavra, e prestemos atenção, a fim de que a entendendo, possamos realizar a vontade de nosso Deus.

Lucas 12, 22-34

22 E Jesus, virando-se para os discípulos, disse: “Por isso vos digo: não vos preocupeis com a vida, o que comereis, nem com o corpo, o que vestireis, 23 porque a vida é mais do que o alimento e o corpo mais do que o vestido. 24 Olhai os corvos, não semeiam nem ceifam, não têm despensa nem celeiro mas Deus os alimenta. Quanto mais valeis vós do que as aves! 25 Quem de vós, com os cuidados, pode acrescentar um côvado à duração da vida? 26 Se, pois, não podeis fazer o menos por que vos inquietais com o mais?

27 Olhai os lírios, como crescem. Não trabalham nem tecem mas eu vos digo: nem Salomão com toda a glória se vestiu como um deles. 28 Se é assim que Deus veste a erva, que hoje está no campo e amanhã será lançada no forno, quanto mais a vós, homens de pequenina fé! 29 Não vos inquieteis com o que haveis de comer ou beber nem andeis em ansiedade, 30 porque os pagãos de todo o mundo é que buscam tudo isso. Vosso Pai sabe que tendes necessidade de tais coisas. 31 Vós, porém, buscai antes o seu Reino e isto recebereis de acréscimo. 32 Não tenhas medo, pequeno rebanho, porque o Pai achou por bem dar-vos o Reino. 33 Vendei vossos bens e dai de esmola; fazei-vos bolsas que não se desgastem, um tesouro inesgotável nos céus, onde ladrão não chega nem a traça rói; 34 porque onde estiver vosso tesouro, aí também estará vosso coração.”

Bíblia Ave Maria

Que consolo não é meditar essa Palavra! Durante toda a passagem, nosso Senhor diz constantemente a não se preocupar com certas coisas.

Essa Palavra o Senhor a dá especialmente a seus discípulos (v. 22a), em meio a uma multidão de gente. Nosso Senhor começa a dizer abertamente para não se preocupar com o que comeremos, e nem com o que vestiremos. Prestemos atenção! O nosso Deus nos adverte a voltar os nossos olhos às coisas que têm mais importância. Mais do que o alimento, é a vida que é importante; mais do que a roupa é o corpo que importa. Às vezes, nós buscamos adquirir certos bens por meios que não são os melhores. Assim, por preocupação, inquietação e ansiedade, procuramos obter aquilo que nos pode vir por meios muito melhores: a busca do Reino dos Céus. É por isso que o Senhor diz: “Vós, porém, buscai antes o seu Reino e isto recebereis de acréscimo.” (v. 31). Ou seja, buscar o Reino de Deus deve ser a nossa primeira prioridade! Ora, e se o Reino dos Céus deve ser a prioridade, a justiça e o amor devem ser a nossa regra de vida.

Na realidade da nossa vida, diante de tantos estímulos ao consumo de alimentos e de roupas, e diante de uma supervalorização do conforto, não podemos deixar de ouvir as palavras do Senhor que soam com tom de advertência: “porque os pagãos de todo o mundo é que buscam tudo isso.” (v. 30a). Ah, meu Senhor! Quantos não se desvirtuam por se preocupar com o que vão vestir! Quantos não são os que se distraem com a provisão do alimento, Senhor, como Marta! Abre o nosso coração à tua Palavra, meu Deus!

O amável Senhor não se contenta em nos tranquilizar sobre a comida e as roupas, porque fala também do desapego dos outros bens: “Vendei vossos bens…” (v. 33a). Portanto, que não nos apeguemos aos bens materiais. O Senhor nos exorta a ter os olhos voltados para os bens eternos, que valem mais. “[…] fazei-vos bolsas que não se desgastem, um tesouro inesgotável nos céus… (v. 33b). Essa Palavra nos faz contemplar o quão felizes seremos se prestarmos atenção às coisas eternas: é uma mensagem de esperança.

Diante disso tudo que o Senhor nos comunicou, podemos rezar.

Senhor, tem piedade de mim. Muitas vezes meu olhar só estava voltado para as coisas terrenas, Senhor. Ensina-me a ter o mesmo olhar que o teu, Jesus: voltado para as coisas mais importantes.

E desde já, Senhor, eu te dou graças por essa Palavra e pelo teu ensinamento, tão vitais para mim… Que eu seja digno de receber, no dia em que eu dormir o sono dos justos, o tesouro inesgotável de que tu falas, meu Senhor!

Assim seja.

Destaque

Posts relacionados

TUDO VOS SERÁ DADO, MAS…

A oração, bendito momento para exercitá-la, digo, para conversar com Deus. A oração é o exercício que a alma faz para transcender e unir-se àquele que a criou, que lhe deu vida. Quando nos dispomos à oração, não só nos entregamos ao criador como vítima ou oferta agradável, mas nos unimos ao seu bem-querer.

ler mais

“Permanecei no meu amor”…

A Palavra que hoje vamos meditar nos revela o maior mandamento de nosso Senhor. E é preciso que nós o realizemos, ainda que criemos resistência para isso.

ler mais

Precisa de ajuda?

Entre em contato

SIGA-NOS

SOBRE O AUTOR

Luiz Davi

Jovem estudante de Filosofia.

COMENTÁRIOS

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

POSTS RELACIONADOS

TUDO VOS SERÁ DADO, MAS…

TUDO VOS SERÁ DADO, MAS…

“Por isso, vos digo: tudo o que pedirdes na oração, crede que o tendes recebido, e vos será dado” São Marcos, 11, 24. A oração, bendito momento para exercitá-la, digo, para conversar com Deus. A oração é o exercício que a alma faz para transcender e unir-se àquele que...

“Permanecei no meu amor”…

“Permanecei no meu amor”…

Vamos ouvir o que nosso Senhor quer nos dizer no Evangelho que hoje vamos meditar. Jo 15, 9–17 9 Como o Pai me ama, assim também eu vos amo. Permanecei no meu amor. 10 Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor como eu também guardei os mandamentos...

O olhar do Mestre para o Traidor

O olhar do Mestre para o Traidor

Grande aflição nos inspira o Evangelho de hoje. Meditemos sobre o Evangelho da quarta-feira da Semana Santa, com o auxílio do Espírito Santo. Mt 26, 14 – 25 14 Então, um dos Doze, chamado Judas Iscariotes, foi ter com os príncipes dos sacerdotes e perguntou-lhes: 15...